Recobro da Lagoa do Predestinado da Montanha

0
Rate this post

Recuperação da Lagoa do Santo da Serra

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

A recobramento da Lagoa do Predestinado da Montanha foi inaugurada no dia 07 de Outubro de 2011, lã Exmo. Sr. Presidente do Administração Regional, visitando, para esse efeito, o sítio onde se desenvolveram os serviços, na freguesia de Predestinado António da Montanha, Concelho de Santa Cruz.

Os serviços realizados na Lagoa do Predestinado da Montanha, permitiram, na rotina, que no sítio fosse construída uma novidade lagoa, destinada ao armazenamento e disponibilização de chuva de regadura, totalizando uno tamanho de murado de 640 milénio metros cúbicos, que beneficiará, directamente, murado de 2.195 regantes e sensivelmente 400 hectares de superfície regada, nos concelhos de Santa Cruz e Machico, porém igualmente com benefícios indirectos nos concelhos limítrofes.

Para a concretização da acção foram executados, no básico, os seguintes serviços: Cura de esteio e construção dos aterros de estabilização da Lagoa, que passaram lã condução e acondicionamento de 175 milénio metros cúbicos de terras; Realização de órgãos de exploração; Escavação e restauração da corredor de descarga de fundo/captura de chuva; Realização de método de impermeabilização e drenagem da lagoa assentado na disposição de uma geomembrana em quadro de PEAD, cobrindo todas as superfícies da Lagoa, numa ampliação de, aproximadamente, 74 milénio metros quadrados; Restauração da adução à Rego dos Tornos e Restauração da adução ao método de regadura existente, que totalizaram murado de 2.300 metros de condutas; Restauração dos edifícios de exploração de regadura; Ordem de comentário e vistoria do corpo da lagoa e de controlo de exploração; Instalações eléctricas, comunicações, automação e telegestão. Entre as características técnicas da Lagoa do Predestinado, destaca-se ainda que ela poderá sobrecarregar os 23,5 metros de profundeza anexim de chuva no nível cheio de armazenamento.

Trata-se de uma acção da obrigação da Repartição Regional do Envolvente e dos Recursos Naturais, através da IGA Investimentos e Administração da Chuva, S.A., e representa uno investimento público da sistema dos 5,5 milhões de euros co-financiado pela Junção Europeia ao cobertura do PRODERAM – Programa de Propagação Rústico para a Distrito Autónoma da Madeira.